domingo, 27 de janeiro de 2013

Tudo está como dantes no quartal de Abrantes...


E o salário ó….Site confirma que salário de Holandinha é o segundo maior do país.
E o salário ó….Site confirma que salário de Holandinha é o segundo maior do país.
Essa notícia passou batida em todos os blogues da política maranhense... será que falar do supersalário do prefeito Holandinha virou tabu?
Trata-se de levantamento realizado por site nacional, o G1, de altíssima noticiabilidade, para ficar no jargão jornalístico, mas não mereceu repercussão alguma em blogues locais, salvo repercussão no Marrapá.com - justiça seja feita, que vem denunciando esses supersalários desde a gestão Castelo na Prefeitura de São Luís, onde, pelo visto, nesse item, tudo está como dantes no quartel de Abrantes... 

Os salários de 12 dos 26 prefeitos das capitais do país aumentaram em 2013. É o que mostra levantamento feito por jornalistas do G1 pelo Brasil*. A remuneração paga aos prefeitos é fixada pela Câmara Municipal de cada cidade.
O maior reajuste em relação a 2012 foi registrado em Salvador (BA), onde o prefeito ACM Neto (DEM) recebe R$ 18.038,10, valor 73,4% superior ao salário de R$ 10.400 do ano passado.
As outras capitais que aumentaram os rendimentos de prefeitos foram Florianópolis (52,3%), Natal (42,8%), Aracaju (40,3%), Campo Grande (36%), Teresina (27,9%), Porto Velho (27,1%), Vitória (24,6%), Belo Horizonte (22,8%), João Pessoa (22,2%), Macapá (13,2%) e Belém (12,7%).
A assessoria de imprensa do prefeito ACM Neto informa que, “apesar do aumento, aprovado no ano passado, ele ainda tem um dos menores salários do país”. Para o atual presidente da Câmara Municipal, vereador Paulo Câmara (PSDB), embora seja constitucional, o aumento foge do padrão. “Deveria haver um procedimento legal para corrigir o salário. Isso não vai mudar enquanto não houver mudança na Constituição.”
Curitiba tem o maior salário para prefeito
O maior valor bruto é de R$ 26.723,13, recebido em Curitiba (PR) por Gustavo Fruet (PDT) – igual ao teto nacional do subsídio dos servidores, que tem como referência o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).
Em seguida estão os salários de Edivaldo Holanda Júnior (PTC), prefeito de São Luís (MA), que recebe R$ 25 mil, e de Fernando Haddad (PT), prefeito de São Paulo (SP), que ganha R$ 24.117,62.
O menor é de R$ 13.964,94, pago no Rio de Janeiro (RJ) ao prefeito Eduardo Paes (PMDB).
Em Curitiba, Fruet fez um anúncio se comprometendo a doar 30% do que recebe a uma entidade ligada à Igreja Católica. Em Belo Horizonte, o reeleito Márcio Lacerda (PSB) diz que devolve parte do salário, no valor de R$ 4.350.
As prefeituras informaram que não há benefícios no cargo, visto que a lei veta remuneração acima do teto fixado pelas assembleias.
Salários pagos aos prefeitos das capitais brasileiras, conforme dados das prefeituras:
CapitalSalário em 2013*Aumento (em %)
CuritibaR$ 26.723,13
São LuísR$ 25.000
São PauloR$ 24.117,62
AracajuR$ 24.00040,3%
Belo HorizonteR$ 23.430,2422,8%
FlorianópolisR$ 22.292,3552,3%
João PessoaR$ 22.00022,2%
Porto VelhoR$ 21.00027,1%
Campo GrandeR$ 20.40936%
MaceióR$ 20.000
NatalR$ 20.00042,8%
PalmasR$ 19.040
MacapáR$ 19.249,0813,2%
GoiâniaR$ 18.460
VitóriaR$ 18.40024,6%
BelémR$ 18.038,1112,7%
SalvadorR$ 18.038,1073,4%
ManausR$ 18.000
TeresinaR$ 16.574,0227,9%
Rio BrancoR$ 16.437,40
FortalezaR$ 15.891,83
Porto AlegreR$ 15.503,58
Boa VistaR$ 15.000
RecifeR$ 14.635
CuiabáR$ 14.300
Rio de JaneiroR$ 13.964,94
*Valores da remuneração bruta, sem os descontos, fornecidos pelas prefeituras

Um comentário:

EVAN DE ANDRADE disse...

è melhor é ganahr bem e não roubar. Do que fazer como Castelo que alem de ganhar dezenas de aposentadorias mais esse salário, ainda roubava...